De volta pra vida – trabalho

A vida nos pertence numa infinidade, que não temos ideia. Ela é nossa, ela é muito nossa. Em alguns momentos da nossa existência, passamos por situaciones tão agressivas e intensas que, de repente, você pode sentir que ela está escapando de suas mãos. Não estou simplesmente falando de vida e morte, pior que isso, estou falando de viver sem vida. Para sair dessa, além de você ser seu maior aliado, precisamos montar um time de coisas, pessoas, família, profissionais e fé para encarar essa luta e vencê-la. Quando você consegue a vitória, não é simplesmente sair levantando os braços e estufando o peito. Aí, você começa outro processo, o mais bonito, gratificante, emocionante da história toda. A hora da retomada, reconquista e da introdução para a melhor parte. Esse período, claro, não vão ser de todo fácil, já que requer algumas habilidades, como adaptação, paciência e sabedoria para entender que depois dessa batalha, não estamos com nossos melhores trajes. LEIA MAIS [...]
Gostou? Então compartilhe!

Hey, tô careca!

A maioria de vocês sabem que decidi raspar os cabelos. Mas Linda, a touca térmica não funcionou? A touca preserva sim alguns fios e isto pode variar dependendo de cada pessoa, tipo de quimio, quantidade... usei a touca nas duas primeiras sessões e realmente se não tivesse usado, estaria totalmente careca desde o primeiro ciclo. Ainda assim reparei que os fios estavam caindo bastante, às vezes nem dava pra perceber a falta deles na cabeça, pelo fato de sempre ter sido muito cabeluda, ou seja, caia uma parte, mas ainda tinha MUITO cabelo. Ainda assim o incomodo era grande. Sempre que levantava, checava o travesseiro e lá se iam dezenas de fios, olhava para o chão de casa e eles estavam por toda parte, na hora de pentear a escova começou a ficar cada vez mais cheia e o pior era a hora do banho. Nossa!! Caía tanto cabelo que estava ficando cada vez mais triste. Saía do banho e ia direto para o espelho, esperando não ter mais nada ali no alto, mas para minha surpresa muitas vezes LEIA MAIS [...]
Gostou? Então compartilhe!

Here we go again!

Depois de algumas semanas temos esse texto novinho, cheio de amor e contando tudo dessa segunda etapa de vida, sim, muita vida! No início de julho, num sábado, entrei no banho e fiz um auto exame. Já havia se cumprido (em junho) os 5 anos e, teoricamente, agora as chances da doença voltar eram mínimas. Continuei tocando meus seios e lá, na mesma mama, quase no mesmo lugar onde o outro tumor estava tempos atrás, sinto uma parte endurecida e desconhecida. Digo isto, pois a mama direita já havia sido toda modificada por dentro e por fora, ela já era diferente e com muitas cicatrizes internas, mas eu me conheço, faço questão de entender cada pedacinho do meu corpo e isso sem dúvida nenhuma me fez reconhecer que embora muitas partes daquele seio fossem mais endurecidas, aquilo nunca esteve ali! As lágrimas no mesmo instante correram no meu rosto, misturando-se com as gotas do chuveiro. Tive tanto medo! Saindo dali avisei ao Caio e fiz ele sentir, era muito menor do que aquele LEIA MAIS [...]
Gostou? Então compartilhe!