Como encurtar a distância!?

O que dizer dessa semana meus amores? Estamos numa correria pelo casamento que vocês nem imaginam. A família esta começando a chegar e me inspirei para falar um pouco deles e de todo o cenário que estou vivendo.

 

Há quase 5 anos, passamos pelo maior desafio de nossas vidas. Fomos testados. Naquela época não tivemos muitos familiares aqui, justamente pela distância. Basicamente passamos por tudo minha mãe, o Caio, sua mãe, meu pai e, lógico, eu. Fez falta tê-los por perto, mas a prova era nossa, o caminho teria que ser enfrentado por nós. Descobrimos a família em amigos e aprendemos a encurtar a distância com as ligações, orações que sei que foram abundantes e assim os que estavam longe se fizeram presente. Sempre há uma forma de levar esperança.

post2

 

O aprendizado foi grande e aprendemos todos. Ver o esforço de cada um para estar aqui presente neste momento tão especial de nossas vidas me fez perceber o quanto eles não querem que a distância “atrapalhe” de novo de estarmos juntos (fisicamente) em ciclos importantes um para o outro. Ouvi do meu tio, que chegou ontem, numa conversa que tinha com minha mãe, de como ele se sente culpado por não ter movido “mundos e fundos” para ter vindo na época da minha doença e que não estar aqui para meu casamento seria imperdoável (para ele mesmo). Agora valorizamos o quanto um abraço presencial pode ser importante, principalmente nestes períodos mais demarcados da vida.

Chegada do tio Dario

 


Como sou sempre dá opinião que Deus sabe o que faz mesmo a gente não entendendo, agora sei que nós (enquanto casal e até para minha mãe), que fomos mergulhados nessa água turva sem máscaras para respirar, que vivemos a flor da pele todo o processo nos seus altos e baixos, foi primordial para sermos pessoas diferentes, sei que precisávamos passar por isso “sozinhos”. Era essencial para nosso amadurecimento espiritual, para nossa fé alcançar outros padrões e para reconhecermos tantas outras coisas que hoje fazem toda diferença na nossa alma. Somo pessoas melhores, queremos ser pessoas melhores. Caio e eu temos algo especial e isso é indiscutível. Não, não sou modesta no meu relacionamento porque quando falamos de tesouros, temos que descrevê-los exatamente como são.

 

Espero que mais uma vez o universo me faça sorrir. Já esta fazendo, já estou agradecida.

 

Ps: se quiser comentar, basta clicar no título do post. Abrirá uma janela com o campo de comentários abaixo 😊

Gostou? Então compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *