Somos pequenos. Mesmo.

Semana passada foram descobertos 7 planetas pela NASA, sendo que 3 deles encontram-se na zona habitável e tem grande chance de ter água, oxigênio e, quem sabe, até vida. Eles estão há “apenas” 39 anos-luz de nós e uma grande e quente estrela, como é o Sol para nós, faz com que a temperatura desses planetas seja compatível com o desenvolvimento biológico. As informações completas sobre isso estão aqui .

Para quem não sabe, considerando o que sabemos (que acredito ser ainda muito pouco) da história da vida, e colocássemos toda a evolução em 1 dia, o ser humano teria nascido às 23h59h12, conforme indica a imagem abaixo.

 

Evolução da Terra en 24 horas
Evolução da Terra em 24 horas

 

Ou seja, nós nascemos agora pouco e somos 1 espécie entre tantas outras de um planeta pequeno entre milhares, talvez milhões que existam por aí em vários sistemas. Conclusão? Somos pequenos. Mesmo.

Ok, filosou bastante, mas onde você quer chegar com isso e de acordo com o tema do blog? Essa pode ser uma genuína pergunta sua nesse momento e entendo perfeitamente a dúvida.

Após todo o processo de descoberta, tratamento, cura e agora através do blog e de iniciativas ligadas ao tema, cada vez mais percebemos que somos parte de algo muito maior que nós. Ao mesmo tempo que para alguns isso pode ser um fator limitante, de impotência, nós encaramos a individualidade como parte de uma construção enorme, maior que muitas vezes nosso pensamento alcança.

Imagine você fazer parte de uma empresa global, que você não conhece todo mundo, nem sabe tudo que está acontecendo, mas percebe que seu dia a dia pode transformar e direcionar o rumo daquela corporação.

Entendemos assim também com nossas atitudes individuais e convidamos você também a pensar assim. Pequenos sim, muitos mesmo. Mas fazendo parte e construindo algo incrível e muito maior.

 

universe

 

Ps: se quiser comentar, basta clicar no título do post. Abrirá uma janela com o campo de comentários abaixo 😊

Gostou? Então compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *